NOTÍCIAS


Grêmio empata em 3 a 3 com o Bragantino, num jogo eletrizante e de frustração na Arena

O Grêmio deixou escapar uma vitória importante na Arena neste domingo à noite. Na volta à sua casa em jogo de Série A, o Tricolor vencia até os acréscimos do segundo tempo, quando viu o Bragantino deixar tudo igual por 3 a 3, na 4ª rodada do Brasileirão. Cristaldo, Luis Suárez e Everton Galdino marcaram para o Tricolor, enquanto Matheus Fernandes, Eduardo Sasha e Thiago Borbas fizeram para o Massa Bruta.

Foi um grande jogo em Porto Alegre, com direito duas viradas no placar, mas que não escondeu os problemas de marcação, criação e erros tricolores. Após sair na frente e sofrer a virada no início do segundo tempo, teve forças, com direito a golaço do Pistolero e estrela do técnico Renato Portaluppi, para voltar à frente do marcador. Porém, um erro de Diogo Barbosa nos acréscimos foi crucial para os paulistas conseguirem deixar Porto Alegre com um ponto na bagagem.

O Grêmio, que ocupa a 7ª colocação na tabela com sete pontos, volta a campo na quarta-feira, às 21h30min, para enfrentar o Palmeiras, no Allianz Parque, em São Paulo, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Bragantino soma cinco pontos.

Início eletrizante e domínio paulista
O jogo começou bastante movimentado na Arena. Com 2 minutos, Thomas Luciano cruzou da direita, e a bola tocou no braço de Jadsom dentro da área. Após revisão do VAR, Paulo Cesar Zanovelli marcou pênalti. Aos 5, Cristaldo cobrou com força no canto direito e abriu o placar para o Grêmio, 1 a 0. Não deu nem tempo do tricolor comemorar e logo tomou o empate. Aos 8, após boa jogada de Bruninho, a bola sobrou para Matheus Fernandes, que chegou de trás. O camisa 35 finalizou de perna direita na saída de Gabriel Grando, 1 a 1. Com o gol de empate, o Bragantino cresceu na partida e criou chances para virar o placar. Aos 17, Lucas Evangelista soltou a bomba para ótima defesa do goleiro gremista.

Aos 26, Helinho recebeu pela meia direita e avançou por dentro, até chegar dentro da área. O camisa 11 finalizou e Gabriel Grando salvou com os pés. Dois minutos depois, Bitello aproveitou falha da zaga paulista e finalizou. A bola foi travada pelo zagueiro do Massa Bruta e saiu para escanteio. Aos 36, Bruninho recebeu às costas de Thomas Luciano e finalizou cruzado. A bola passou por Helinho, que não conseguiu completar para o gol. O Tricolor voltou a levar perigo aos 45 minutos. Após cobrança de escanteio da direita, Bruno Alves desviou de cabeça para fora.

O último lance da etapa inicial foi do Bragantino, o melhor time em campo. Aos 48, Helinho passou como quis por Diogo Barbosa e finalizou de perna direita. Gabriel Grando voou e deu um leve toque para escanteio.

Tricolor reage, mas sofre castigo
O segundo tempo começou a todo vapor. Aos 7, após erro de Galdino, Matheus Fernandes recuperou a bola, avançou em velocidade e serviu Eduardo Sasha. O camisa 19 cortou Bruno Alves e chutou no ângulo esquerdo de Gabriel Grando, 1 a 2. O Grêmio respondeu rápido e empatou a partida três minutos depois.

Aos 10, após cruzamento de Cristaldo, a zaga do Bragantino rebateu e Luis Suárez pegou de sem pulo para colocar a bola no canto esquerdo de Lucão, 2 a 2. Um belo gol do uruguaio na Arena. Aos 13, Sasha cruzou rasteiro da direita e Bruno Alves, ao tentar cortar, completou contra o próprio gol. A sua sorte é que Gabriel Grando conseguiu voar no ângulo esquerdo e espalmar para escanteio. O Tricolor conseguiu virar novamente a partida três minutos depois. Após boa jogada de Zinho em velocidade, Everton Galdino recebeu dentro da área, passou pela marcação e bateu com categoria no canto direito de Lucão, 3 a 2.

Com o terceiro gol e com a vantagem no placar, o Grêmio baixou as linhas e viu os paulistas crescerem mais uma vez no confronto. O campo alagado atrapalhava a corrida da bola, mas o Massa Bruta insistiu. Aos 25, Jadson experimentou da intermediária, e o goleiro tricolor espalmou. Seis minutos depois, o Bragantino quase empatou. Mosquera passou como quis por Diogo Barbosa e cruzou rasteiro para Lucas Evangelista, que finalizou para fora.

De tanto insistir, o Massa Bruta conseguiu o empate nos acréscimos. Aos 46, após erro de Diogo Barbosa, Juninho Capixaba recebeu na ponta esquerda e cruzou rasteiro para Thiago Borbas completar para o fundo das redes, 3 a 3.

FONTE: CP

Foto: Ricardo Giusti




08/05/2023 – Grupo Guaramano

COMPARTILHE

SEGUE A @HTTPS://WWW.INSTAGRAM.COM/RADIOGUARAMANO98.1FM/

98.1 – (55) 3353-1721
91.1 – (55) 3353-2121

grupoguaramano@yahoo.com
Guarani das Missões – RS
Av. Castelo Branco, 1053 – Centro, 97950-000

NO AR:
GUARAMANO NOTÍCIAS