NOTÍCIAS


Presidente do PL diz que Bolsonaro e Michelle farão caravanas pelo Brasil no primeiro semestre

A ideia, segundo Valdemar, é que eles façam viagens separadamente pelo país, com Michelle focando a participação de mulheres na política e Bolsonaro o diálogo com prefeitos e lideranças regionais. Ele prevê que essas caravanas possam começar entre maio e junho deste ano.

Valdemar afirmou ainda que isso deve ocorrer já de olho nas eleições municipais de 2024 –o partido tem a pretensão de eleger mil prefeitos.

“Queremos que o Bolsonaro visite as nossas cidades. Nós temos observado isso aí que ele não perdeu prestígio e ele vai ser uma pessoa muito importante nas eleições municipais no ano que vem. Vocês podem ter certeza que vamos ter um crescimento de prefeitos e vereadores brutal”, afirmou Valdemar ao sair de reunião com a bancada do partido da Câmara nesta quarta.

Ele disse ainda que o partido já tem uma pesquisa em andamento para medir a popularidade do ex-chefe do Executivo.

O presidente do PL não confirmou uma data exata para o retorno de Bolsonaro ao Brasil, mas afirmou que há uma expectativa para que isso ocorra até abril.

“Com calma, recebendo o pessoal aqui, fazendo reunião com o pessoal, prestigiando a gente. Se ele vem numa reunião dessas e a gente deixa ele falar por último não saía nenhum deputado daqui. Ele tem prestígio”, continuou.

Bolsonaro viajou aos Estados Unidos nos últimos dias de seu mandato e ainda não retornou, ignorando o rito democrático de transmitir simbolicamente o cargo a seu sucessor, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Já Michelle, presidente nacional do PL Mulher, fará caravanas com o intuito de aumentar a participação de mulheres na política, segundo o dirigente partidário. “Para trazer a mulherada. Você vê que o PT trabalha bem isso, eles fizeram mais mulheres do que a gente. Nós fizemos muito mais deputados e eles fizeram bem mais mulheres do que a gente.”

Valdemar afirmou que Michelle irá se reunir com as presidentes estaduais do PL para tratar das atividades e que a ex-primeira-dama tem potencial de reunir multidões. “Ela tem levado muita gente para os lugares onde foi. Pena que ela entrou tarde na campanha e não deu para ajudar, isso não surtiu tanto efeito porque ela entrou muito tarde. Mas ela vai se organizar com as presidentes estaduais e vamos trabalhar nisso.”

Fonte: yahoo




03/03/2023 – Grupo Guaramano

COMPARTILHE

SEGUE A @HTTPS://WWW.INSTAGRAM.COM/RADIOGUARAMANO98.1FM/

98.1 – (55) 3353-1721
91.1 – (55) 3353-2121

grupoguaramano@yahoo.com
Guarani das Missões – RS
Av. Castelo Branco, 1053 – Centro, 97950-000

NO AR:
SERTANEJÃO DA 98